Relação entre pedologia e biologia

Segundo Jenny, um dos fatores de formação dos solos são os organismos, representados pela fauna (macro e microorganismos) e flora, além do clima, material de origem, relevo e do tempo.

Cada organismo adota uma estratégia para viver no ecossistema do qual o solo é um componente essencial.

A minhoca é mais encontrada nos solos de textura argilosa ou muito argilosa e mais ricos em matéria orgânica, o escorpião esconde-se mais perigosamente nos solos consistentes com estrutura prismática ou em blocos muito bem desenvolvida, ao contrário, dos solos pedologicamente soltos ou muito friáveis e não compactados onde o tatu cava sua toca facilmente, como a coruja ali faz seu ninho.

A formiga cria suas galerias até maiores profundidades em solos bem drenados (ou sem excesso de água), ao contrário dos sapos que na estiagem precisam de mais umidade para sobreviver no período de estivação.

Pesquisadores do Butantan observaram que à medida que a estiagem aumentava, os sapos enterravam-se mais profundamente no solo em busca de água encontrando umidade na profundidade de até 180 cm.

O cupim ergue o cupinzeiro numa altura dependente da profundidade do solo, os microorganismos multiplicam-se mais intensamente nos solos com maior teor de matéria orgânica.

Solos profundos como os Latossolos necessitaram de mais tempo de intemperismo do que os solos rasos como os Neossolos Litólicos.

Pedologicamente, solos com CTC da argila maior ou igual a 24 cmol/kg são “Ta” ou de argila de atividade alta, na prática isso significa que são solos muito consistentes (firme ou muito firme) devido ao adensamento, rachando e fendilhando facilmente quando secam.

A estrutura desses solos é muito bem desenvolvida (do tipo prismático ou bloco com grau forte ou moderado de desenvolvimento, representados pelos Chernossolos, Vertissolos, Luvissolos e parte dos Cambissolos, na fração argila é identificado o mineral de argila do grupo 2:1.

Nos meses mais secos do ano observa-se grande quantidade de rachaduras nos agregados estruturais atingindo as maiores profundidades no perfil.

Ao contrário, solos com CTC da argila menor que 24 cmol/kg são “Tb” ou de argila de atividade baixa, por isso são pouco consistentes (friáveis ou muito friáveis) exceto se forem compactados, a estrutura é pouco desenvolvida e com grau fraco nos agregados estruturais (Latossolos e parte dos Cambissolos).

No período mais seco do ano racham com pequena intensidade e profundidade em comparação com os solos “Ta”.

Na fração argila dos Latossolos são identificados minerais de argila do tipo 1:1 e óxidos, nos Cambissolos minerais de argila do tipo 1:1.

Solos “Tm” possuem CTC da argila intermediária (17 a 24 cmol/kg de argila) como os Nitossolos, são consistentes, porém bem menos do que os solos “Ta”, na fração argila é identificado mineral de argila do grupo 1:1.

Há solos que armazenam e disponibilizam água por mais tempo do que os demais, como exemplos:

  • Os Argissolos que possuem grande contraste de argila entre os horizontes A e B e como conseqüência uma quebra de capilaridade entre esses horizontes;
  • Os Nitossolos pela típica estrutura prismática ou em blocos bem desenvolvida.

Selecione a alternativa correta
Num mesmo ecossistema existe uma interação com os organismos dos solos, onde pode-se observar que:

Resposta correta: E

Alternativa % de votos
a) A altura do cupinzeiro na área de Neossolo Litólico é muito maior do que do Latossolo, ambos de textura argilosa. 22,6
b) O tatu gasta mais energia para cavar sua toca no Cambissolo Tb do que no Vertissolo, ambos de mesma textura. 16,1
c) A formiga prefere solos com restrição de drenagem. 6,5
d) O sapo não encontra umidade no Argissolo nos períodos mais secos do ano. 6,5
e) Numa trincheira examinada no período bem seco do ano, o escorpião esconde-se com maior perigo no fendilhamento na estrutura do horizonte B do Chernossolo do que do Latossolo, ambos argilosos. 41,9
f) Todas alternativas são corretas. 6.5
Total 31

Enquetes anteriores

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 

21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 

41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 

61 62 63 64 65 

Apoio:

IPNIJornal da Cana The International Union of Soil Sciences Natural Resources Management and Environment Departament ISRIC - World Soil Information