Enquete # 20 - Levantamento de solos

O levantamento de solos (ou pedológico) é um documento básico que inclui dois componentes: o mapa e o relatório. O mapa mostra a distribuição dos solos de acordo com a densidade de amostragem e o relatório informa as características químicas, físicas e hídricas dos diversos solos. A escala de publicação do mapa pedológico aumenta dos níveis mais genéricos (1:750.000) para os mais detalhados (1:5.000). Segundo a EMBRAPA, existem vários tipos de levantamento de solos e com diferentes objetivos (quadro 1).

Quadro 1.Tipos de levantamento de solos (EMBRAPA, 1995).

Níveis de detalhe Objetivos Metodologia Escalas
Exploratório Informar genericamente os solos de regiões muito extensas Muita ênfase a extrapolação de campo menor que 1:5.000.000
Reconhecimento de baixa intensidade Estimar qualitativamente o recurso solos de grandes áreas Verificação de campo maior que exploratório, porém sem muito apoio de campo 1:250.000 a 1:5.000.000
Reconhecimento de média intensidade Estimar semi- qualitativamente o recurso solos de grandes áreas Verificação de campo e correlações de solo com a paisagem 1:100.000 a 1: 250.000
Reconhecimento de alta intensidade Avaliar semi-quantitativamente áreas prioritárias Verificação de campo e correlações de solo com a paisagem 1: 50.000 a 1: 100.000
Semi detalhado Planejar a implantação de projetos agrícolas e de engenharia civil Verificar no campo toposequências 1:100.000 a 1:50.000
Detalhado Executar projetos de uso intensivo do solo Verificar no campo toposequências 1: 20.000 a 1: 5.000
Ultra detalhado Estudar os solos em temas específicos como por exemplo agricultura de precisão, projetos de irrigação Verificar no campo toposeqüências Maior que 1:5.000

O conhecimento da distribuição dos solos na paisagem é essencial nos levantamentos de solos (de reconhecimento de média e alta intensidade, semi-detalhado, detalhado e ultra-detalhado).

As figuras 1 a 4 apresentam diferentes tipos de relevo.

Figura 1. Relevo plano.

Figura 1. Relevo plano.

Figura 2. Relevo ondulado.

Figura 2. Relevo ondulado.

Figura 3. Relevo forte ondulado.

Figura 3. Relevo forte ondulado.

Figura 4. Relevo plano de várzea.

Figura 4. Relevo plano de várzea.

Na paisagem, observamos as seguintes constatações:

  1. Solos não hidromórficos: como regra geral, no relevo plano ou suavemente ondulado ocorrem Latossolos, Neossolos Quartzarênicos, Espodossolos, Vertissolos, Plintossolos; no relevo ondulado ou ondulado ocorrem Argissolos, Luvissolos, Alissolos, Cambissolos, Nitossolos, Chernossolos e Neosssolos Litólicos. Próximo dos solos hidromórficos podem ocorrer Neossolos Flúvicos nos diques marginais dos rios e riachos, Cambissolos e Argissolos nos níveis dos terraços;
  2. Solos hidromórficos: no relevo plano de várzea ocorrem Gleissolos, Organossolos, ou Planossolos, ou parte dos Vertissolos.

A seguir são apresentadas algumas das várias toposseqüências que observamos no Brasil.

  1. Gleissolos nas várzeas, Argissolos e Luvissolos nas encostas, Latossolos no topo;
  2. Gleissolos nas várzeas, Nitossolos Vermelhos férricos nas encostas e Latossolos Vermelhos férricos no topo;
  3. Gleissolos nas várzeas, Argissolos e Luvissolos nas encostas, e Neossolos Quartzarênicos no topo;
  4. Gleissolos nas várzeas, Neossolos Quartzarênicos no início da encosta limitando-se com Argissolos, e Latossolos no topo;
  5. Gleissolos nas várzeas, Neossolos Quartzarênicos na encosta e Latossolos Amarelos e Latossolos Vermelhos-Amarelos no topo;
  6. Gleissolos nas várzeas, Neossolos Quartzarênicos na encosta, Neossolos Litólicos na escarpa e Latossolos no topo;
  7. Gleissolos nas várzeas, Cambissolos e Neossolos Litólicos nas encostas e Latossolos no topo;
  8. Gleissolos nas várzeas, Argissolos coesos, Latossolos coesos, Espodossolos nos tabuleiros costeiros, Neossolos Litólicos e Cambissolos nas encostas e Latossolos no topo;
  9. Gleissolos nas várzeas, Nitossolos Vermelhos nas encostas, Latossolos Vermelhos no topo;
  10. Gleissolos nas várzeas, Argissolos, Plintossolos e Vertissolos no topo;
  11. Gleissolos nas várzeas, Cambissolos e Neossolos Litólicos nas encostas e Latossolos no topo.

Cada grande região possui uma distribuição de solos na paisagem (topossequência) particular e que precisa ser bem conhecida pelos técnicos e estudantes que estudam esses solos localmente.

Resultado da enquete

Alternativa correta: C

Alternativa % de votos
a) O Latossolos sempre ocorrem no relevo plano ou suavemente ondulado. 40,9%
b) Os Argissolos sempre ocorrem no relevo ondulado ou fortemente ondulado. 4,5%
c) A escala 1:2.000 de um mapa é maior que 1:500.000. 54,5%
d) O mesmo tipo de solo nunca ocorre em dois tipos de relevo. 0,0%
e) Os Cambissolos nunca ocorrem próximo aos Gleissolos. 0,0%
Total de votos: 22

Enquetes anteriores

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 

21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 

41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 

61 62 63 64 65 

Apoio:

IPNIJornal da Cana The International Union of Soil Sciences Natural Resources Management and Environment Departament ISRIC - World Soil Information